Foto de Susana Loureiro

O meu nome é Susana Loureiro e sou tradutora de inglês para português de Portugal. Especializei-me em tradução de audiovisuais, nomeadamente em legendagem, desde o início da minha carreira há mais de cinco anos. Trabalhei como gestora de projetos, gerindo projetos de tradução de audiovisuais que envolviam várias línguas e dezenas de tradutores, e também como revisora. Em 2021, decidi tornar-me tradutora freelance a tempo inteiro.

Licenciei-me em Línguas, Literaturas e Culturas, com major em Línguas Modernas e minor em Tradução, pela Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa em 2014. Fiz ainda um curso de Tradução e Legendagem para Teatro, no Teatro D. Maria II, em 2019, e um curso de Revisão de Textos, nível I, em 2020, pela escrever escrever.

Desde 2018 que tenho marcado presença em grandes conferências sobre tradução de audiovisuais, como a Languages & the Media e a Media for All. Em 2019, fui oradora na conferência TranslateLisbon sobre gestão de projetos e, em 2021, serei oradora na International Audiovisual Translation Conference da APTRAD sobre preços e gestão de projetos.

A minha paixão é tornar conteúdos audiovisuais acessíveis aos portugueses, e não só, de uma forma natural que os faça esquecer que estão a ler uma tradução. Defendo a necessidade de uma maior qualidade na tradução de legendas, incluindo no uso do português, de forma a proporcionar a melhor experiência para o público.

Graças às minhas traduções criativas e fiéis ao conteúdo, fui entrevistada em 2017 pelo CINEBLOG. Em 2019, fui entrevistada pela Comunidade Cultura e Arte sobre a legendagem e os seus desafios. No mesmo ano, fui entrevistada pela MAGG para falar sobre a qualidade atual da tradução para legendagem. Em 2020, fui entrevistada pelo podcast do Séries de TV, Seriólicos Anónimos, para falar sobre legendagem e dobragem e os seus pontos fortes e fracos.

De forma a contribuir para uma maior consciencialização do trabalho dos tradutores de audiovisuais e para a melhoria da vida profissional dos mesmos, cofundei a ATAV em 2019 e sou desde então a sua presidente. Sou também membro da ESIST e da ADTI.